terça-feira, 24 de julho de 2012

História do Basquete nas Olimpíadas - 1968-1984

1936-1964     1968-1984     1988-2004     2008-...

 
1968 – CIDADE DO MÉXICO, México

ESTADOS UNIDOS é Medalha de Ouro


Final:
EUA - 65
Jo Jo White (14), Mike Barrett (6), Spencer Haywood (21), Charlie Scott (5) e Mike Silliman (6).
Téc: Henry Iba
Banco: Ken Spain (1), Calvin Fowler (4), Bill Hosket (3), Glynn Saulters (4) e Jim King (1). John Clawson (0) e Don Dee (0).

IUGOSLÁVIA - 50
Ivo Daneu (16), Damir Solman (5), Petar Skansi (5), Kresimir Cosic (4) e Dragutin Cermak (8).
Téc: Ranko Zeravica
Banco: Radivoj Korac (1), Zoran Marojevic (2), Trajko Rajkovic (4), Vladimir Cvetkovic (3) e Dragoslav Raznatovic (2). Aljosa Zorga (0) e Nikola Plecas (0).

Numa semi-final sensacional, a Iugoslávia venceu a União Soviética por 63 x 62. Os soviéticos acabaram levando o bronze ao bater o Brasil por 70 x 53 na decisão de 3º lugar. O time soviético tinha: Modestas Paulauskas, Sergei Belov, Anatoli Polivoda, Zurab Sakandelidze e Vladimir Andreev. No banco: Anatoli Krikun, Vadim Kapranov, Yuri Selikhov, Priit Tomson, Sergei Kovalenko, Gennadi Volnov e Jaak Lipso.


1972 – MUNIQUE, Alemanha

UNIÃO SOVIÉTICA é Medalha de Ouro


Pela primeira vez os EUA deixaram de conquistar o ouro numa Olimpíada. E num final de jogo extremamente controverso, em que o árbitro brasileiro Renato Righetto assinalou, após o encerramento do cronômetro, quando os EUA venciam por 50 a 49, que fossem acrescentados mais 3 segundos ao jogo. Na reposição de bola, o pivô soviético Aleksandr Belov fez a cesta que deu a vitória para a URSS por 51 a 50. Revoltados, os americanos nunca apareceram para receber a Medalha de Prata, que até os dias de hoje se encontram guardadas num cofre na Suíça.


Final:
URSS – 51
Sergei Belov (20), Modestas Paulauskas (3), Zurab Sakandelidze (8), Alzhan Zharmukhamedov (4) e Aleksandr Belov (8).
Téc: Vladimir Kondrashin
Banco: Anatoli Polivoda (0), Aleksandr Boloshev (4), Ivan Edeshko (0), Mikhail Korkiya (4) e Gennadi Volnov (0). Ivan Dvorny (0) e Sergei Kovalenko (0).

EUA – 50
Doug Collins (8), Tom Henderson (9), Dwight Jones (6), Jim Brewer (9) e Ed Ratleff (6).
Téc: Henry Iba
Banco: Mike Bantom (2), Bob Jones (0), James Forbes (2), Tom McMillen (2) e Kevin Joyce (6). Kenneth Davis (0) e Tommy Burleson (0).


Na decisão do bronze, Cuba venceu a Itália por 66 a 65. Os cubanos jogavam com Ruperto Herrera, Pedro Chappe Garcia, Alejandro Urgelles, Conrado Perez e Tomas Herrera. No banco: Juan Carlos Domecq, Juan Roca, Miguel Pozo, Rafael Canizares, Miguel Calderon, Oscar Varona e Franklin Standard.


1976 – MONTREAL, Canadá

ESTADOS UNIDOS é Medalha de Ouro


Final:
EUA – 95
Phil Ford (7), Adrian Dantley (30), Scott May (14), Philip Hubbard (10) e Mitch Kupchak (14). Téc: Dean Smith
Banco: Steve Sheppard (5), Walter Davis (2), Quinn Buckner (6), Ernie Grunfeld (3), Kenneth Carr (0), Tate Armstrong (2) e Tom LaGarde (2).

IUGOSLÁVIA - 74
Mirza Delibasic (6), Dragan Kicanovic (18), Zeljko Jerkov (4), Drazen Dalipagic (27) e Kresimir Cosic (15).
Téc: Mirko Novosel
Banco: Blagoja Georgievski (0), Vinko Jelovac (0), Rajko Zizic (4), Zoran Slavnic (0) e Damir Solman (0). Andro Knego (0) e Zarko Varajic (0).


Numa semi-final eletrizante, mais um duelo histórico entre União Soviética e Iugoslávia, o iugoslavos venceram por 89 x 84. Restou aos soviéticos a disputa pelo bronze, na qual venceram o Canadá por 100 x 72. A URSS jogou com: Sergei Belov, Vladimir Arzamaskov, Alzhan Zharmukhamedov, Anatoly Myshkin e Aleksandr Belov. No banco: Aleksandr Salnikov, Valery Miloserdov, Andrei Makeev, Ivan Edeshko, Mikhail Korkiya, Vladimir Zhigily e Vladimir Tkachenko.


1980 – MOSCOU, União Soviética

IUGOSLÁVIA é Medalha de Ouro


Os Jogos Olímpicos de 80 não tiveram a participação dos EUA, que boicotaram a competição por razões políticas ligadas à Guerra Fria, que dividia o mundo na bipolaridade entre o bloco capitalista, liderado pelos EUA, e o bloco comunista, liderado pela URSS.

No torneio, Iugoslávia e URSS fizeram mais um duelo histórico no Hexagonal Semi-final que decidiu o torneio, mais uma vez a disputa foi vencida pelos iugoslavos, desta vez em plena Moscou, capital soviética, por 101 x 91. Os soviéticos também perderam para a Itália e tiveram que disputar o bronze.  

Final:
IUGOSLÁVIA – 86
Mirza Delibasic (20), Dragan Kicanovic (22), Zeljko Jerkov (16), Drazen Dalipagic (18) e Kresimir Cosic (2).
Téc: Ranko Zeravica
Banco: Mihovil Nakic (0), Branko Skroce (0, Rajko Zizic (0), Zoran Slavnic (4) e Ratko Radovanovic (0). Andro Knego (4) e Duje Krstulovic (0).

ITÁLIA - 77
Marco Solfrini (4), Dino Meneghin (12), Renato Villalta (29), Pierluigi Marzorati (9) e Pietro Generali (13).
Banco: Romeo Sacchetti (2), Roberto Brunamonti (2), Michael Sylvester (2), Enrico Gilardi (0), Fabrizio Della Fiori (0), Marco Bonamico (0) e Renzo Vecchiato (4).


A URSS venceu a disputa pelo bronze. O time medalhista jogava com Sergei Belov, Aleksander Salnikov, Andrei Lopatov, Anatoli Myshkin e Vladimir Tkachenko. No banco: Stanislav Yeryomin, Valeri Miloserdov, Sergei Tarakanov, Nikolai Deriugin, Aleksandr Belostenny, Sergejus Jovaisa e Vladimir Zhigily.



1984 – LOS ANGELES, Estados Unidos

ESTADOS UNIDOS é Medalha de Ouro


Desta vez quem não foi aos Jogos Olímpicos por boicote foi a União Soviética, que devolveu a atitude dos EUA quatro anos antes.

O time norte-americano, medalha de ouro, contava com três jogadores que oito anos depois viriam a formar o Dream Team, na primeira vez que atletas da NBA jogaram as Olimpíadas, eram eles Michael Jordan, Chris Mullin e Patrick Ewing.

Final:
EUA – 96
Chris Mullin (4), Michael Jordan (20), Sam Perkins (12), Wayman Tisdale (14) e Patrick Ewing (9).
Téc: Bob Knight
Banco: Steve Alford (10), Leon Wood (6), Vernon Fleming (9), Alvin Robertson (6), Joe Kleine (4), Jon Koncak (2) e Jeff Turner (0).

ESPANHA – 65
Josep Maria Margall (10), Andrés Jiménez (16), Juan Antonio San Epifanio (4), Fernando Martín (14) e Juan Manuel Iturriaga (6).
Banco: José Manuel Beirán (0), José Luis Llorente (2), Fernando Arcega (2), Fernando Romay (5), Juan Antonio Corbalán (6), Ignacio Solozábal (0) e Juan Domingo de la Cruz (0).


Na disputa do bronze, a Iugoslávia venceu o Canadá por 88 a 82. O time iugoslavo jogou com: Drazen Petrovic, Aleksandar Petrovic, Rajko Zizic, Drazen Dalipagic e Ratko Radovanovic. No banco tinha Andro Knego, Nebojsa Zorkic, Ivan Sunara, Sabit Hadzic, Emir Mutapcic, Mihovil Nakic e Branko Vukicevic.

Nenhum comentário:

Postar um comentário