Acompanha aqui esta ferramenta de evolução do basquetebol masculino brasileiro no território nacio

terça-feira, 30 de abril de 2013

História do Mundial de Clubes de Basquete Masculino

Intercontinental Men's Basketball Cup World Championship
Mundial de Clubes de Baloncesto de Varones

Mundial de Clubes
1966
Campeão: Varese (Itália)

O time titular campeão era Tony Gennari, Remo Maggetti, Sauro Bufalini, Giovanni Gavagnin e Toby Kimball. Gavagnin era o técnico, era jogador e foi o maior pontuador na final.
Final: Varese 66 x 59 Corinthians
Local: Madrid (Espanha)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Ignis Varese (Itália), Corinthians (Brasil) e Jamaco Saints (NABL, EUA)
Campanha do Corinthians: 69 x 62 Jamaco Saints (EUA) e 59 x 66 Ignis Varese (ITA)

1967
Campeão: Akron Goodyear (EUA)

O time da Goodyear jogou com Vern Benson, Jim Rayl, Jay Miller, Jim King e Mike McCoy. O técnico era Hank Vaughn.
Final: Goodyear 78 x 72 Varese
Local: Nápoles (Itália)

Participantes: Ignis Varese (Itália), Olimpia Milano (Itália), Slavia Praga (Tchecoslováquia), Corinthians (Brasil) e Akron Godyear Wingfoots (NABL, EUA)
Campanha do Corinthians: 52 x 57 Akron Goodyear (EUA) e 89 x 90 Olimpia Milano (ITA)

1968
Campeão: Akron Goodyear (EUA)

O time da Goodyear jogou com Calvin Fowler, Jerry Curless, Tom Duff, Jim King e Tom Black. O técnico era Hank Vaughn.
Final: Goodyear 105 x 73 Real Madrid
Local: Philadelphia (EUA)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Olimpia Milano (Itália), Botafogo (Brasil) e Akron Godyear Wingfoots (NABL, EUA)
Campanha do Botafogo: 52 x 84 Akron Goodyear (EUA) e 54 x 82 Olimpia Milano (ITA)

1969
Campeão: Akron Goodyear (EUA)

O time da Goodyear jogou com Randy Berentz, Jerry Curless, Mike Patterson, Cunningham e Norman. O técnico era Hank Vaughn.
Final: Goodyear 84 x 71 Spartak Brno
Local: Georgia (EUA)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Spartak Brno (Tchecoslováquia), Sirio (Brasil), Akron Godyear Wingfoots (NABL, EUA) e Macon College (EUA)
Campanha do Sirio: 73 x 68 Macon College (EUA), 57 x 68 Akron Goodyear (EUA) e 72 x 60 Real Madrid (ESP)

1970
Campeão: Varese (Itália)

O time do Varese jogou com Aldo Ossola, Manuel Raga, John Fultz, Ottorino Flaborea e Dino Meneghin. O técnico era Aza Nikolic.
Pentagonal: Varese conquistou 4 vitórias. Real Madrid foi vice.
Local: Varese (Itália)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Ignis Varese (Itália), Slavia Praga (Tchecoslováquia), Corinthians (Brasil) e Columbia Sertoma (NABL, EUA)
Campanha do Corinthians: 57 x 84 Varese (ITA), 82 x 74 Slavia Praga (TCH), 77 x 78 Real Madrid (ESP) e 83 x 62 Columbia (EUA) - 3º lugar

1971 e 1972 - Não Houve

1973
Campeão: Varese (Itália)

O time do Varese tinha como principais jogadores a Aldo Ossola, Manuel Raga, Marino Zanatta, Ivan Bisson e Dino Meneghin. O técnico era Aza Nikolic.
Pentagonal: Varese conquistou 3 vitórias. Tríplice empate entre Varese, Sirio e Vaqueros. Na última rodada, o Varese só não seria campeão se perdesse do Sirio por 16 pontos ou mais. Perdeu por 7 pontos e foi campeão.
Local: São Paulo (Brasil)

Participantes: Ignis Varese (Itália), KK Split (Iugoslávia), Sirio (Brasil), Vaqueros de Bayamón (Porto Rico) e Lexington Marathon Oil (NABL, EUA)
Campanha do Sirio: 96 x 75 KK Split (IUG), 103 x 93 Lexington (EUA), 89 x 92 Vaqueros (POR) e 81 x 74 Varese (ITA) - 2º lugar

1974
Campeão: Maryland (EUA)

O time do Maryland tinha John Lucas, Mo Howard, Steve Sheppard, Owen Brown e Tom Roy. O técnico era Lefty Driesell.
Hexagonal: Maryland venceu os 5 jogos. Na última rodada, Maryland 81 x 80 Varese.
Local: Chihuahua (México)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Ignis Varese (Itália), Vila Nova (Brasil), Maryland Terrapins (NABL, EUA), Panteras de Aguacalientes (México) e Dorados de Chihuahua (México)
Campanha do Vila Nova: 63 x 67 Varese (ITA), 72 x 71 Real Madrid (ESP), 87 x 81 Dorados (MEX), 76 x 84 Maryland (EUA) e 82 x 54 Panteras (MEX) - 3º lugar

1975
Campeão: Cantu (Itália)

O time do Cantu era liderado pelos norte-americanos John Grochowalski e Bob Lienhard. O técnico era Arnaldo Taurisano.
Pentagonal: Cantu teve 4 vitórias e 1 derrota, mesma campanha do Franca. Como venceu no confronto direto, foi campeão.
Local: Cantu (Itália)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Cantu (Itália), Mobilgirgi Varese (Itália), Franca (Brasil), Penn Quakers (NABL, EUA) e Hit Trésor (República Centro Africana)
Campanha do Franca: 81 x 82 Cantu (ITA), 68 x 67 Varese (ITA), 109 x 55 Trésor (RCA), 93 x 81 Penn Quakers (EUA) e 80 x 79 Real Madrid (ESP) - 2º lugar

1976
Campeão: Real Madrid (Espanha)

O time do Real Madrid tinha Juan Antonio Corbalán, Wayne Brabender, Walter Szczerbiak, John Coughran e Rafael Rullán. O técnico era Lolo Sainz.
Hexagonal: Real Madrid venceu os 5 jogos. O Varese foi o vice-campeão.
Local: Buenos Aires (Argentina)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Mobilgirgi Varese (Itália), Franca (Brasil), Obras Sanitárias (Argentina), Missouri Tigers (NABL, EUA) e ASFA Dakar (Senegal)
Campanha do Franca: 70 x 83 Real Madrid (ESP), 67 x 68 Varese (ITA), 80 x 67 Missouri (EUA), 76 x 80 Obras Sanitárias (ARG) e 89 x 57 ASFA (SEN) - 4º lugar

1977
Campeão: Real Madrid (Espanha)

O Real Madrid é bi-campeão com o mesmo time: Juan Antonio Corbalán, Wayne Brabender, Walter Szczerbiak, John Coughran e Rafael Rullán. O técnico era Lolo Sainz.
Hexagonal: Real Madrid venceu os 5 jogos. O Varese foi o vice-campeão.
Local: Madrid (Espanha)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Mobilgirgi Varese (Itália), Maccabi Tel Aviv (Israel), Franca (Brasil), Dragones de Tijuana (México) e Providence Friars (NABL, EUA)
Campanha do Franca: 94 x 113 Real Madrid (ESP), 112 x 88 Dragones (MEX), 82 x 85 Providence (EUA), 98 x 101 Maccabi (ISR) e 98 x 87 Varese (ITA) - 4º lugar

1978
Campeão: Real Madrid (Espanha)

O Real Madrid é tri-campeão com o mesmo time: Juan Antonio Corbalán, Wayne Brabender, Walter Szczerbiak, John Coughran e Rafael Rullán. O técnico era Lolo Sainz.
Pentagonal: Real Madrid venceu os 4 jogos. O Obras Sanitárias foi o vice-campeão.
Local: Buenos Aires (Argentina)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Mobilgirgi Varese (Itália), Sirio (Brasil), Obras Sanitárias (Argentina) e Rhode Island Rams (NABL, EUA)
Campanha do Sirio: 108 x 111 Real Madrid (ESP), 90 x 95 Obras Sanitarias (ARG), 109 x 95 Rhode Island (EUA) e 112 x 92 Varese (ITA) - 3º lugar

Real Madrid, Tri-Campeão 1976-77-78
* Até 1978, o representante dos EUA era uma equipe da NABL - National Alliance of Basketball Leagues - uma liga secundária. A partir de 1979, o objetivo era ter um representante da NCAA, principal liga universirária dos EUA.

1979
Campeão: Sirio (Brasil)

O Sirio jogava com Larry Williams, Marcel de Souza, Oscar Schmidt, Dodi e Marquinhos Abdalla. O técnico era Cláudio Mortari.
Pentagonal: Sirio venceu 3 jogos e perdeu só para o Mocan, cuja única vitória foi sobre o Sirio. O KK Bósnia foi o vice-campeão, também com 3 vitórias e 1 derrota.
Local: São Paulo (Brasil)

Participantes: KK Bósnia (Iugoslávia), Emerson Varese (Itália), Sirio (Brasil), Piratas de Quebradillas (Porto Rico) e Mokan All-Stars (EUA)
Campanha do Sirio: 114 x 81 Piratas (POR), 91 x 98 Mokan All-Stars (EUA), 83 x 79 Varese (ITA) e 100 x 98 KK Bosnia (IUG) - Campeão

1980
Campeão: Maccabi Tel Aviv (Israel)

O Maccabi tinha como principais jogadores a Mickey Berkowitz, Aulcie Perry e Earl Williams. O técnico era Rudy D'Amico.
Pentagonal: Maccabi venceu 3 jogos e perdeu 1 (para o Real Madrid), foi a mesma campanha do Franca, mas o Maccabi entrou na última rodada já como campeão, garantiu o título com a vitória sobre o Franca na penúltima rodada.
Local: Saraievo (Iugoslávia)

Participantes: KK Bósnia (Iugoslávia), Real Madrid (Espanha), Maccabi Tel Aviv (Israel), Franca (Brasil) e Kansas All-Stars (EUA)
Campanha do Franca: 86 x 74 Kansas (EUA), 116 x 73 Real Madrid (ESP), 74 x 88 Maccabi (ISR) e 81 x 80 KK Bosnia (IUG) - 2º lugar

1981
Campeão: Real Madrid (Espanha)

O Real Madrid jogava com Juan Antonio Corbalán, Mirza Delibasic, Wayne Brabender, Fernando Romay e Rafael Rullán. O técnico era Lolo Sainz.
Campanha do Real Madrid: 115 x 109 Clemson Tigers (EUA), 107 x 71 Bayi (CHN), 102 x 92 Guaiqueríes (VEN), 92 x 88 Sirio (BRA), 115 x 100 Ferro Carril (ARG), 101 x 60 Franca (BRA) e 138 x 103 St. Kilda (AUS). Campeão arrasador!
Local: São Paulo (Brasil)

Participantes: Real Madrid (Espanha), Maccabi Tel Aviv (Israel), Sirio (Brasil), Franca (Brasil), Ferro Carril Oeste (Argentina), Guaiqueríes de Margarita (Venezuela), Clemson Tigers (EUA), St. Kilda Saints (Austrália), Bayi Beijing (China) e SAFA Dakar (Senegal)

Campanha do Sirio: 114 x 82 Bayi (CHN), 131 x 100 Guaiqueríes (VEN), 88 x 92 Real Madrid (ESP) e 102 x 95 Clemson Tigers (EUA). 2ª fase: 87 x 77 Franca (BRA), 111 x 102 St. Kilda (AUS) e 96 x 92 Ferro Carril (ARG) - 2º lugar

Campanha do Franca: 90 x 75 Ferro Carril (ARG), 87 x 82 Maccabi (ISR), 89 x 60 SAFA (SEN) e 99 x 89 St. Kilda (AUS). 2ª fase: 77 x 87 Sirio (BRA), 60 x 101 Real Madrid (ESP) e 85 x 89 Clemson Tigers (EUA) - 4º lugar

1982
Campeão: Cantu (Itália)

O Cantu jogava com Pierluigi Marzorati, Antonello Riva, Denis Innocentin, Jim Brewer e Wallace Bryant. O técnico era Giancarlo Primo.
Hexagonal: Cantu venceu os 5 jogos.
Local: Den Bosch (Holanda)

Participantes: Cantu (Itália), Maccabi Tel Aviv (Israel), Ferro Carril Oeste (Argentina), Air Force Falcons (EUA), Nashua Den Bosch (Holanda) e Elmex Leiden (Holanda)
Pela 1ª vez não houve representante do Brasil.

1983
Campeão: Obras Sanitárias (Argentina)

O Obras jogava com Eduardo Cadillac, Carlos Romano, Vicente Pellegrino, Rolando Frazer e Mário Butler. O técnico era o portorriquenho Flor Meléndez.
Hexagonal: Obras venceu os 5 jogos.
Local: Buenos Aires (Argentina)

Participantes: Cantu (Itália), Olimpia Milano (Itália), Obras Sanitárias (Argentina), Monte Líbano (Brasil), Peñarol (Uruguai) e Oregon Beavers (NCAA, EUA)
Campanha do Monte Líbano: 81 x 65 Olimpia Milano (ITA), 86 x 91 Obras Sanitárias (ARG), 68 x 65 Oregon (EUA), 81 x 82 Cantu (ITA) e 99 x 110 Peñarol (URU) - 4º lugar

1984
Campeão: Virtus Roma (Itália)

O Virtus Roma jogava com Ray Townsend, Stéfano Sbarra, Marco Solfrini, Bruce Flowers e Renzo Tombolato. O técnico era Valério Bianchini.
Pentagonal: Obras venceu os 3 jogos e perdeu 1, mas a única derrota foi depois de já ter o título matematicamente assegurado.
Local: São Paulo (Brasil)

Participantes: Virtus Roma (Itália), Barcelona (Espanha), Obras Sanitárias (Argentina), Sirio (Brasil) e Lexington Marathon Oil (EUA)
Campanha do Sirio: 114 x 90 Marathon Oil (EUA), 88 x 100 Virtus Roma (ITA), 82 x 76 Obras Sanitárias (ARG) e 90 x 93 Barcelona (ESP) - 3º lugar

1985
Campeão: Barcelona (Espanha)

O Barcelona jogava com Nacho Solozábal, Chicho Sibilio, San Epifanio, Otis Howard e Mike Davis. O técnico era Manolo Flores.
Final: Barcelona 93 x 89 Monte Líbano.
Local: Barcelona (Espanha)

Participantes: Virtus Roma (Itália), Barcelona (Espanha), KK Cibona Zagreb (Iugoslávia), Limoges (França), San Andrés (Argentina), Monte Líbano (Brasil), Golden Eagles (EUA), Guantánamo (Cuba), Northern Consolidated Cement (Filipinas) e Maxaquene (Moçambique)
Campanha do Monte Líbano: 92 x 82 Virtus Roma (ITA), 78 x 77 Northern Cement (FIL), 88 x 92 Cibona Zagreb (IUG) e 96 x 77 Golden Eagles (EUA). Semi-final: 95 x 93 San Andrés (ARG). Final: 89 x 93 Barcelona (ESP) - 2º lugar

1986
Campeão: Zalgiris Kaunas (União Soviética)

O Zalgiris jogava com Valdemaras Chomicius, Rimas Kurtinaitis, Sergejus Jovaisa, Mindaugas Lekarauskas e Arvydas Sabonis. O técnico era Vladas Garastas.
Final: Zalgiris Kaunas 84 x 78 Ferro Carril Oeste.
Local: Buenos Aires (Argentina)

Participantes: Zalgiris Kaunas (URSS), KK Cibona Zagreb (Iugoslávia), Obras Sanitárias (Argentina), Ferro Carril Oeste (Argentina), Monte Líbano (Brasil), Corinthians (Brasil), Cariduros de Fajardo (Porto Rico) e Continental Coors (EUA)
Campanha do Monte Líbano: 81 x 83 Zalgiris Kaunas (URSS), 75 x 81 Cariduros (POR) e 94 x 91 Ferro Carril (ARG). 129 x 76 Obras Sanitárias (ARG) e WO x 0 Continental Coors (EUA) - 5º lugar.
Campanha do Corinthians: 87 x 114 Cibona Zagreb (IUG), 126 x 84 Obras Sanitárias (ARG) e 120 x 118 Continental Coors (EUA). Semi-final: 84 x 103 Ferro Carril (ARG). Decisão de 3º: 96 x 119 Cibona Zagreb (IUG) - 4º lugar.

1987
Campeão: Olimpia Milano (Itália)

O Olimpia Milano jogava com Roberto Premier, Mike D'Antoni, Ricky Brown, Bob McAdoo e Dino Meneghin. O técnico era Franco Casalini.
Final: Olimpia Milano 100 x 84 Barcelona.
Local: Milão (Itália)

Participantes: Olimpia Milano (Itália), Barcelona (Espanha), Zalgiris Kaunas (URSS), KK Cibona Zagreb (Iugoslávia), Maccabi Tel Aviv (Israel), Ferro Carril Oeste (Argentina), Monte Líbano (Brasil) e Washington All Stars (EUA)
Campanha do Monte Líbano: 72 x 92 Maccabi Tel Aviv (ISR), 109 x 90 Zalgiris Kaunas (URSS) e 87 x 97 Cibona Zagreb (IUG). Decisão de 5º: 119 x 94 Ferro Carril (ARG) - 5º lugar.

 O time do Olimpia e abaixo, Mike D'Antoni e Bob McAdoo


McDonald's Open

Uma nova competição começou a ser disputada em 1987. Era um confronto entre times da NBA e times europeus. Um torneio de integração, financiado pela rede de lanchonetes McDonald's. Entre 1987 e 1991 foi anual. A partir daí foi a cada dois anos. O participante da NBA era escolhido aleatoriamente, por convite. Nunca uma equipe da NBA deixou de faturar o título.

1987
Campeão: Milwaukee Bucks
Local: Milwaukee (EUA)

Participantes: Milwaukee Bucks (NBA, EUA), Seleção da União Soviética e Olimpia Milano (Itália).

Campanha do campeão: 123 x 111 Olimpia Milano (ITA) e 127 x 100 URSS.

1988
Campeão: Boston Celtics
Local: Madrid (Espanha)

Participantes: Boston Celtics (NBA, EUA), Seleção da Iugoslávia, Real Madrid (Espanha) e Scavolini Pesaro (Itália).

Campanha do campeão: 113 x 85 Iugoslávia e 111 x 96 Real Madrid (ESP).

1989
Campeão: Denver Nuggets
Local: Roma (Itália)

Participantes: Denver Nuggets (NBA, EUA), KK Split (Iugoslávia), Barcelona (Espanha) e Olimpia Milano (Itália).

Campanha do campeão: 137 x 103 Barcelona (ESP) e 135 x 129 KK Split (IUG).

1990
Campeão: New York Knicks
Local: Barcelona (Espanha)

Participantes: New York Knicks (NBA, EUA), KK Split (Iugoslávia), Barcelona (Espanha) e Scavolini Pesaro (Itália).

Campanha do campeão: 119 x 115 Pesaro (ITA) e 117 x 101 KK Split (IUG).

1991
Campeão: Los Angeles Lakers
Local: Paris (França)

Participantes: Los Angeles Lakers (NBA, EUA), KK Split (Iugoslávia), Joventut Badalona (Espanha) e Limoges (França).

Campanha do campeão: 132 x 101 Limoges (FRA) e 116 x 114 Joventut Badalona (ESP).

* A partir de 1991 o torneio passou a ser a cada 2 anos e foi ampliado. Em 1993, pela 1ª vez houve a participação de uma equipe brasileira.

1993
Campeão: Pheonix Suns
Local: Munique (Alemanha)

Participantes: Pheonix Suns (NBA, EUA), Virtus Bologna (Itália), Real Madrid (Espanha), Limoges (França), Bayer Leverkusen (Alemanha) e Franca (Brasil).

Campanha do campeão: 145 x 115 Real Madrid (ESP) e 112 x 90 Virtus Bologna (ITA).

Campanha do Franca: 88 x 129 Virtus Bologna (Itália) e 104 x 97 Bayer Leverkusen (Alemanha) - 5º lugar.

1995
Campeão: Houston Rockets
Local: Londres (Inglaterra)

Participantes: Houston Rockets (NBA, EUA), Virtus Bologna (Itália), Real Madrid (Espanha), Sheffield Sharks (Inglaterra), Maccabi Tel Aviv (Israel) e Perth Wildcats (Austrália).

Campanha do campeão: 116 x 72 Perth Wildcats (AUS) e 126 x 112 Virtus Bologna (ITA).

1997
Campeão: Chicago Bulls
Local: Paris (França)

Participantes: Chicago Bulls (NBA, EUA), Benetton Treviso (Itália), Barcelona (Espanha), Racing Paris (França), Olympiakos (Grécia) e Atenas de Córdoba (Argentina).

Campanha do campeão: 89 x 82 Racing Paris (FRA) e 104 x 78 Olympiakos (GRE).

1999
Campeão: San Antonio Spurs
Local: Milão (Itália)

Participantes: San Antonio Spurs (NBA, EUA), Zalgiris Kaunas (Lituânia), Varese (Itália), Vasco da Gama (Brasil), Adelaide 36ers (Austrália) e Hekmeh (Líbano).

Campanha do campeão: 96 x 86 Varese (ITA) e 103 x 68 Vasco da Gama (BRA).

Campanha do Vasco: 90 x 79 Adelaide 36ers (AUS), 92 x 86 Zalgiris Kaunas (LIT) e 68 x 103 San Antonio Spurs (NBA, EUA).


Intercontinental Europa-América do Sul

1996
Campeão: Panathinaikos (Grécia)
Em 1996 foi criada a Liga Sul-Americana, e numa tentativa de reeditar o Mundial Interclubes, realizou-se uma série entre os campeões da Euroliga e da Liga Sul-Americana.
Final: Olimpia de Venado Tuerto (Argentina) 89 x 83 (c). Panathinaikos (Grécia) 83 x 78 (c) e 101 x 76 (c).

2013
Campeão: Olympiakos (Grécia)
Em 2013 voltou a ser disputada uma Copa Intercontinental, reunindo os campeões da Euroliga e da Liga das Américas. Foram dois jogos, ambos jogador em Barueri, cidade vizinha a São Paulo.
Final: Olympiakos (Grécia) 81 x 70 (f) e 86 x 69 (f) Pinheiros (Brasil). (Detalhes dos jogos)


Nenhum comentário:

Postar um comentário